APELO DA CRISTINA - "..PROCURO A FAMÍLIA NO CUBAL"..

Estou à procura da minha familia no Cubal Angola.
Meu nome é Cristina de Jesus e procuro saber o paradeiro de minha mãe, de nome Palmira Camuama. Tenho 38 anos, casada, trabalho numa escola e vivo perto de Barcelos-Portugal.
Saí do Cubal- Benguela - Angola, com cerca de 6 anos. Minha mãe era lavadeira e vivia perto de uma fazenda a cerca de 12 Km +/- do Cubal.
Há muitos pormenores de que eu não sei (...) Sei que tenho dois meios irmãos pelo menos, sendo mais velhos que eu. Só sei o nome do mais velho (Orlando). Vim para Portugal com uma enfermeira (...) e nunca mais vi minha mãe e irmãos.
Eu não sei de muitos mais detalhes, pois também estou a fazer uma pesquisa paulatina nos diversos membros da família que me trouxe para Portugal.
À medida que eu for adquirindo mais informações, transmitirei, pois sei que são mais algumas chances de obter informações da minha família.
Ainda não digitalizei fotografias, mas logo que possa eu envio .
Agradeço atenção e se alguém me puder dar informações agradeço.
Meu Contacto Email: Cristina
***
Espero que a Cristina consiga reecontrar a sua família.
Quem tiver informações que possam conduzir a esse mesmo reencontro, poderá utilizar o endereço da Cristina ou o endereço do nosso blog.
Obrigado
Ruca

Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - FERNANDO LOPES

Para:
Cubalenses e amigos do Cubal Angola
29/Jun/2008 14:33


Morei no Cubal.
Meu pai foi o Administrador de lá Fernando Lopes.... fui colega do Zezau, Carlos Duarte no Tchivinguiro.

um abraço
Fernando Lopes


*********

Caro Fernando,

Bem vindo ao círculo de amigos cubalenses. Aparece sempre e já sabes. O convite para participação está sempre presente.

um abraço

Ruca

Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - ARLETE GUERRA

Olá Cubalenses e amigos do Cubal Angola,

Oi Ruca.
Estou feliz por fazer parte deste grupo de cubalenses.Espero seja imenso!
Um abraço e um bom fim de semana.
Arlete Guerra

Junta-te à comunidade cubalense no hi5

Caro Cubalense.
Vamos juntar-nos no hi5!!
Esta é a melhor forma de ficarmos com os endereços de correio electrónico actualizados de todos os Cubalenses e amigos do Cubal, bem como outros dados curiosos.
Não custa nada e podes registar-te clicando:
Clica e regista-te
Sou de opinião de que será mais um importante instrumento e que contribuirá para a reaproximação de todos os cubalenses e amigos do Cubal.
Saudações
Ruca
http://cubal-ruca.hi5.com/

Exemplos dos amigos que já se registaram :



Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - JOÃO KARIVERA

Alo ruca,
Tudo de bom para ti e todos os teus.
Um abração ao Raúl. Ruca aqui vai o nome do furriel que te falta na foto da equipa do Cubal enviada pelo Carona ( WALDIR ).
Espero que continues com o blog. Esta cada vez melhor.
Por hoje é tudo.
Um forte abraço para ti e todos os teus e caso possas envia-me o contacto do teu tio Joaquim.
JOÃO KARIVERA
******
Caro João,
É um prazer enorme ter-te também aqui. Obrigado pelas palavras relativas ao nosso blog. Aparece sempre (se possível com testemunhos do Cubal).
Um forte abraço extensivo à tua família, de todos nós.
Ruca

Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - Rui Manuel Mendonça Lopes

Olá amigos
Sou o Rui Manuel Mendonça Lopes, estudei no Cubal até 1973. Depois fui para Nova Lisboa (Huambo), fiquei surpreso hoje ao entrar neste site para relembrar e matar saudades da cidade do Cubal a qual nunca esqeci, pois foram nove anos que ali morei. Nas duas fotos que me lembro bem do nome é o Fernando Carona o Alvaro Simões Roha (Alvarito) eu estou ao lado.
Moro atualmente no estado de São Paulo Brasil.
**********
Caro Rui,
Bem vindo à nossa comunidade. Estás, desde já ,também convidado em participares com testemunhos.
Saudações cubalenses
Ruca
PS. Envia-me o teu email, porque tem sido pedido por amigos teus. O meu endereço para onde deves escrever é: clica no meu nome: ruca

Arte do Cubalense Augusto Pessoa

1.Título: Olhar Negro
Técnica: Óleo sobre tela 40 X 50

2.Título: Ela

Técnica: Pastel sobre tela 50 X 60

3.Título: O Seio

Técnica: Pastel sobre tela 50 X 60

ENCONTRO ANUAL NO LUSO -06 de Julho de 2008

Amiguinhos,
Já falta tão pouco… preparados para o nosso dia?
Não se esqueçam!!!!!
Zé (Laranjeira) leva o teu paizinho.
Ruca, desnecessário será pedir que leves os teus, pois tenho a certeza absoluta que nem outra hipótese se põe.
Chica, gostaria tanto que fosses… será?
Beijinhos a todos.
Vanda Alves

Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - Mário Álvares

Caro Rui,
Aqui há tempos (acho que foi no site do Henrique Faria) tinha lido a tua intenção de organizar um blog, mas não liguei.
Quero dar-te os parabéns pela iniciativa e dizer-te que está muito jeitoso.
Infelizmente eu só estive 5 anos no colégio e sai no fim de 69.Há muita coisa que já me escapa.Incrivelmente não me lembro da oficina do teu Pai. Acho que o Borges, pai do Zézau que foi meu colega tinha uma oficina á saída para a Ganda, mas do teu "Velho" nada, enfim...... são muitos anos.....No entanto ao ver a foto actual da tua Mãe lembrei-me que me era familiar.Eu vivi numa casa ao lado da loja do Faria (acho que era) dum sujeito que trabalhava na fazenda do Guerra, mesmo em frente ao "portão" de baixo-aberto, do Colégio da Cecília.Seja como for Um Grande Abraço. Mário Álvares.

P. S. Recebi um mail supostamente teu para inscrição no " Hi 5 " , cheira-me a spam ?
*********
Meu caro amigo Mário Álvares,
Obrigado pelas tuas simpáticas palavras. Já te respondi por email.
Contudo e porque há uma questão de interesse comum aos cubalenses passo a responder:
Não o HI5 não é spam. Fiz um convite geral para que todos se inscrevessem, uma vez que será, a meu ver, um complemento ao nosso blog. A ideia veio por sugestões de vários cubalenses, que me convidaram a aderir e após fazê-lo, constato que será algo de positivo à nossa comunidade social virtual.
Na Wikipédia pode ler-se:
O hi5 http://hi5.com/ é uma comunidade social virtual criada por Ramu Yalamanchi. Cada utilizador com registo no hi5 pode criar um perfil com um layout atractivo podendo colocar fotografias, músicas e vídeos. O sistema de código HTML permite criar mais estilos e diversidades dentro do site. O hi5 possui o sistema de grupos em que um utilizador pode aderir a um determinado grupo consoante os interesses desse mesmo grupo (países, cidades, músicas, etc.)
É considerado mais rigoroso na questão da
privacidade.[carece de fontes?]
Além de se encontrar em
inglês, o site está traduzido também espanhol, francês, alemão, italiano, neerlandês, romeno, polaco, turco e em português europeu.
O hi5 foi considerado o site mais visitado pelos
portugueses em 2007, segundo o site de ranking mundial alexa.com.
um abraço com amizade
Ruca

Cubalenses em Lisboa

1.Encontro de Cubalenses em Lisboa - 30 de Abril 1977.
Para além do meu pai Raúl, reconheço o Fernando H. Pires
Foto e texto: Ruca

Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - Juca Laranjeira

Gostava de saber do paradeiro e do contacto do Norberto Mendes.
Um abraço a todos os amigos do Cubal.
Um abraço em particular para o Ruca k mantem vivo este blog .
obrigado
juca laranjeira

******
Meu Caro Juca,
É um prazer enorme também receber-te na nossa comunidade. Obrigado pelas palavras.
Espero que consigas o contacto do NORBERTO MENDES. Para o efeito, reforço o apelo a quem saiba e que o dê a conhecer.
Um abraço extensivo a V. família.
Ruca

Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - Fernando Marta Neves

Ruca,
os meus parabéns por este trabalho. Um grande abraço para ti, para os teus, para todos os que conheço e me conhecem também.
Fernando Marta Neves

*****
Obrigado meu amigo,
Vem sempre a este nosso convívio virtual e participa.
Um abraço
Ruca

Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - José Albuquerque

Olá caros amigos cubalenses.
É com muito orgulho, como filho da mais bela cidade de Angola, quando vejo hoje a importância da nossa unidade.
Os meus parabéns ao Ruca pela excelente divulgação do nosso Kimbo.
Um abraço para todos os cubalenses do
*****
Meu Caro José Albuquerque,
Obrigado e bem vindo ao nosso kimbo virtual... Aparece sempre e participa.
Um abraço
Ruca

Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - Augusto Domingos Chipuca "Vieira"

Olá, grande Ruca..!
Até que enfim...imagens e factos do Cubal de ontem e de hoje, na net!
Permita-me parabeniza-lo pelo feito. Não nasci no Cubal, mas fui para lá em 1970, ido de Benguela, quando tinha 2 anos de idade na companhia de meus pais e 4 irmãos. Meu pai, Domingos Sabino Chipuca, era ferroviário (funcionário do CFB) transferido naquela data de Benguela para a estação do Cubal. Ainda assim, pude ver o Cubal de ontem, até 1975, altura em que as coisas começaram a mudar. De 1970 a 1973 vivi numa casa situada exatamente frente a casa do sr. Carrasqueiro, tendo por vizinho do lado direito a dona Rosa, mãe de um tal Quim e do lado esquerdo um sr. Camionista, cujo nome escapa-me. De 1974 a 1981 vivi na "rua 28 de Maio", para lá dos TJ (nomenclatura do condomínio do CFB) zona intermédia entre a cidade e a Camunda, numa casa que pertenceu ao sr. Piçarra, tendo como vizinhos na altura, gente como o casal sr. Lopes e dona Argentina ( que só saíram do Cubal em finais dos anos 80 por causa da guerra, pois o sr. Lopes teimava em deixar o Cubal e Angola) , a família Edmundo das oficinas do CFB, o sr. Palma, na altura velhinho, a dona Aurora mãe da Lolita uma morenita bonitinha, entre outros. Mas apesar de tudo, e por ter passado no Cubal toda a minha infância que me marcou muito, até aos 13 anos (1981) sinto-me cubalense de gema no corpo e na alma. O teu e "nosso" blog que criaste é uma das melhores coisas que encontrei na net e me tem prendido "horas a fio".Desta vez estou apenas a escrever para dizer-te que tiveste uma ideia brilhante. Estou fazendo os possíveis de recolher pequenos factos e talvez fotografias antigas ou actuais para enriquecer o "nosso" blog.
Eu volto... Aquele abraço
Augusto Domingos Chipuca "Vieira"
*********************************************
Meu Caro Amigo Augusto,
Fico muito sensibilizado pelas tuas palavras. Muito obrigado pelas mesmas ! São sem dúvida, um grande tónico para eu continuar a partilhar o meu tempo em prol desta comunidade de amigos e de que fazes parte também. Enquanto tiver o feed-back de todos vós eu continuarei também!
Gostei imenso que tivesses referido ..."o nosso" blog. É essa a ideia que pretendo transmitir e tu captaste-a como gostaria que TODOS aqueles que nos visitam, o fizessem.
Quando sentimos que a "coisa" é nossa, o carinho pela mesma passa a ser outro também.
Ficamos a aguardar pela tua participação no envio possível de testemunhos
Obrigado mais uma vez.
Recebe um abraço
Ruca

Abel Parente e família

Ruca

Bom dia
A pedido da Isilda aqui vai uma fotografia, da minha família, que te peço para pores no Blog.

Quero agradecer-te porque depois de estar em contacto contigo já estive em contacto com a Isilda, o Flórido e agora tenho os contactos do Ramos (filho) do Ramos das panelas e do Carona.
O meu filho Carlos ao lado do motorista. Na parte de trás do Buggy: eu meu filho David e a minha esposa numa viagem de férias no Brazil

Abel Parente

Histórias de uma vida

Olá Ruca
Parece que ainda te estou a ver com os teus 7 anos quando aguardava a abertura da oficina de teu pai.
Aproveitava-se o tempo para se fazer pequenas brincadeiras, claro que não te vais recordar mas a malta pregava cada partida ao Contínuo, creio que se chamava Gabriel Francisco e àquele moço cujo nome não me recordo mas que o continuo chamava "xinhulo" por ter o nariz grande.
E o Vasco pintor (....)
Um dia o Armando Vinhais apareceu na oficina com sapatos diferentes. Tinha comprado dois pares e calçou um de cada, e se não estou em erro foi teu pai que o alertou e ele para não dar o braço a torcer dizia que era a nova moda...Enfim, cenas engraçadas que nunca mais esquecem assim como os bons amigos que temos e Deus queira que os continuemos a ter.
(...)Beijos da Lourdes para ti, Xana e teus pais.
De mim um grande abraço para todos.
Morais
*********
Caro Morais,
Por incrível que te possa parecer, tenho bem presente essas e outras brincadeiras que existiam à porta da oficina do meu pai, entre todos os que lá colaboravam. Eu, pequenito, deliciava-me a ver as vossas partidas. Os nomes que referes e tantos outros que por lá passaram (tu incluído), trazem-me à memória saudades dos belos momentos de amizade e confraternização existente.
Obrigado por me relembrares.
Um grande abraço a todos vós.
Ruca