19º Encontro dos Antigos Estudantes do Cubal - Mira

19º Encontro dos Antigos Estudantes do Cubal
Inscreve-te
11 de Outubro de 2008 - Hotel Quinta Lagoa - Mira Portugal

O COMEÇO DO MUNDO

O COMEÇO DO MUNDO

Nobre nascimento aquele.
Ali bem de perto,
escutavam-se as notas
à passagem das águas
de lágrimas do Cubal. Que rio…
E foi ali
Hércules emprenhou
Dejanira.
E foi ali
que de nobre nascimento,
em terra cor de sangue
se fez povoado e cidade,
e foi ali,
que se verteram os corações
e se amontoaram paixões.
E, foi ali
que começou o mundo.
Por entre imbondeiros
e acácias que tudo começou.
Desde o silvo dos ventos
às trovoadas rancorosas
até ao parque da Vila e do Ferrovia.
E foi ali
que nos iniciámos,
na Hanha.
Ah Cubal ! Ah Cubal !
E o oráculo não mentiu
e a donzela foi sacrificada
pelo preço da vitória.
Em vez de Cubal deviam,
de nome ter-te dado de Macária.
Depois, de repente,
veio o feitiço
e tudo matou.
Os sonhos, as angústias,
as alegrias e os gritos
de meninos e meninas
inocentes.
Foi o feitiço foi.
Acabaram-se os Chinganjes
e os armazéns de sisal.
Morreu tudo.
Até a paixão.
A donzela foi sacrificada.

Necas



Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - Arlete Guerra

Para todos os cubalenses, aqui deixo o meu abraço e a todos desejo um maravilhoso fim de semana. Beijos e muitas saudades a todos. Ruca, breve te enviarei umas poucas fotos que tenho, para veres se as queres colocar no teu, no nosso blog.


Beijos para ti, tua esposa e teus pais. tenham um ótimo fim de semana.


Arlete Guerra


****

Olá Arlete,
Beijos e abraços para todos vós. Um belo fim de semana também. Ficamos todos a aguardar por essas fotos.
Ruca

Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - Diny Querido

Olá Ruca como estás?
Enviei -te umas fotos do meu arquivo pessoal, algumas relativamente recentes, e outras um pouco mais antigas. Espero deste modo contribuir para o reavivar de recordações.
Bjs e até Mira
Diny
***
A Diny Querido, envia-me belos testemunhos do Cubal e cubalenses, que irão ser partilhados neste nosso espaço, logo após o tratamento digital das imagens.
Uma saudação especial a Diny e familiares.
Obrigado pela participação.
Ruca

Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - RUI DE CARVALHO

Só hoje tive conhecimento do site do nosso querido Cubal. Aproveito a ocasião para mandar saudações a todos os cubalenses em especial a quem frequentou a escola Industrial, Curso Geral de Mecânica anos 70.
Bem hajam
Rui de Carvalho
****
Caro Rui Cavalho,
É com todo o prazer que te recebemos nesta comunidade virtual. Aqui não existem convites.. as portas estão sempre abertas. É só entrar e se possível participar...Sê bem vindo amigo!
Abraço
Ruca

ANGOLA CORPO DE MULHER


ANGOLA CORPO DE MULHER

No seu útero fértil
Acolheu sementes embaladas por brisas
No seu ventre farto gerou,
Quais Édipos,
Filhos apaixonados
Que a mimaram, enfeitaram.
Fez-se bela, cobiçada, desejada...
Outros filhos gerou
Gananciosos, insidiosos
Suas entranhas esventraram
Seu sangue correu
Banhou vidas de outros filhos.
Mas do seu corpo brota ainda
O capim verde molhado
Pelo cacimbo da madrugada.
Da terra empapada
Da chuva da noite, ergue-se
O solitário embondeiro
Saudando o novo dia.
Em movimentos sensuais
Dança a ondulante palmeira.
Do seu corpo brota ainda
O espinhoso sisal, o alvo algodão,
O rubro café,
E jorrado do mais profundo
Do seu corpo, o ouro negro,
Amarelo e o brilho da pedra.
Brota o prazer
No beijo do mar na areia
Na sombra de uma acácia.
Brota a Amizade,
Brota o Amor
Em ébano e marfim talhados.
Em cada coração
Brota a Esperança
Renovada... Ameaçada...
Atormentada...
Adiada...
Renovada!

Marília Peixoto

Boas Recordações do Passado -por Pedro Jorge

Boas Recordações do Passado.Quando visito o Blog e viajo na minha imaginação, sinto alguma saudade e privilégio de um dia ter pertencido por breves meses a esta comunidade, tal como hoje ao poder ler testemunhos de recordações ali passadas,e narradas aqui pelo Sr. Eduardo Flórido, eu acompanhei a vida saudável desta juventude cubalense, quando ali estive em 1969, embora sendo militar, sentia-me integrado no seio da comunidade como filho legítimo da cidade, de tal forma que hoje mantenho contactos de amizade, com pessoas que ali conheci e que muito gosto são verdadeiros amigos, ao enunciar os nomes de amigos colegas e professores, o Eduardo fez-me recuar no tempo porque conheci e convivi, com quase todos e há um que para mim era uma pessoa extraordinária, o já desaparecido Padre José Ribeiro, ele ligou-se aos militares frequentava o quartel dedicava-nos um dia por semana, dava-nos uma hora de palestra o que nos servia de terapia para levantar a moral abalada pela saudade e distancia que nos separava dos nossos familiares agravada pelos maus efeitos e recordações da guerra em que tinhamos estado envolvidos antes de ali chegarmos, era um bom amigo, hoje vou recordando esses momentos e outros que lá passei com nostalgia, foi bom encontrar um dia, o Blog do nosso amigo Ruca que com todo o mérito se tornou o maior ponto de encontro dos Cubalenses, logo fiquei um visitante activo deste espaço, aqui se lêem testemunhos maravilhosos e que vão encurtando a distancia e a saudade daqueles que por determinação do destino rumaram aos quatro cantos do mundo e não ficaram entre nós, bem hajam pois os que vão encontrando disponibilidade no seu dia a dia para vir aqui lembrar e recordar os tempos vividos outrora em comunidade fraterna.
Um grande abraço para toda a comunidade Cubalense.
Um amigo Pedro Jorge.
*****
Só tenho uma palavra para ti Pedro.
OBRIGADO!
(por fazeres parte desta comunidade de amigos, por aquilo que dizes e transmites)
Abraço
Ruca

Procura-se contacto do Mário "CHIPIRICA".

A Anabela Borges, pede o favor de quem souber do contacto do Mário Fernando Pereira Garcia (mais conhecido pela malta do Cubal) por Mário "CHIPIRICA", que a informem para os contactos habituais:
Anabela Borges: Telefones: 235 729 489 (serviço) 235 721 409 (casa) 96 000 73 69
e-mail:
anabelaborges5@gmail.com

ou para o email do blog.

Obrigado
Ruca

Terra Minha


A TERRA DO CUBAL

Só quem nela nasceu
Ali viveu e amou,
É que pelo tempo fora
Poderá recordá-la
Dia a dia, hora a hora...
Os passos que ensaiei
Pelas ruas do parque,
As acácias, as flores,
A lagoa, o jardim,
As piscinas, enfim,
Os primeiros amores.
O soluço teimoso,
O riso à janela
E a mata misteriosa...
Também a noite grande,
Quando a avó me contava
Aquela linda história do soba e da princesa
Que nunca mais se apaga,
Na memória... ainda tão acesa!!!

Anabela Borges

Um Ótimo fim de semana

Se não fosses tu, hoje não estaria podendo mandar um abraço e desejando um bom fim de semana a todos os nossos amigos e conhecidos Cubalenses.
Arlete Guerra




********
Olá Arlete,
A felicidade é imensa quando podemos estar juntos com os amigos. Apesar das distancias, hoje temos este meio fantástico que é a internet que nos une a todos neste nosso blog.
Tenham igualmente um óptimo fim de semana extensivo a todos os amigos cubalenses.
Saudações
Ruca

Família Fontoura

1.Francisco e Aurora Fontoura, Meno e Helena Fontoura Com os três filhos e noras.
02/09/2008

"Efeitos" do nosso Blog e da amizade.

Ruca
Agradeço desde já toda a tua disponibilidade.
A Fátinha e eu já entrámos em contacto e brevemente encontrar-nos-emos todos.
Graças a ti e a todo o teu trabalho podemos comunicar e reencontrar amigos .
A minha memória já é muito difusa, mas consigo ainda relembrar muita coisa .
Mais uma vez obrigada
Bjs
Anabela Simões
****
Olá Anabela,
Fico feliz também, quando recebo este tipo de mensagens. Permite-me, partilhar a mesma com a nossa comunidade, porque se dúvidas existissem (eu não as tenho!), esta é a prova inequívoca que o nosso blog deverá continuar sempre.
Da minha parte, tentarei manter a disponibilidade para continuar este trabalho. Mas a ajuda de todos, como têm feito, é imprescindível. Por isso o meu apelo contínuo à colaboração de todos, no envio de testemunhos, histórias etc, bem como comentando os posts.
Muito obrigado pela tua mensagem.
Um saudação especial extensiva à família.
Ruca

Arte do Cubalense Augusto Pessoa


1.Título: Alimento da Vida
Técnica: Óleo sobre tela 73 x 92
2.Título: Abunda
Técnica Pastel sobre tela 50 X 60

3.Título: Vidas Cruzadas

Técnica: Óleo sobre tela 100 X 60

**
Autor : A. Pessoa

Contactos: ajpessoa@gmail.com

tm – 939344052

Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - Lourdes Teixeira

Boa Tarde! Antes de mais, deixe-me felicitá-lo pela excelente iniciativa de criação deste blog.
Sou uma assídua visitante, pois relembro bons tempos. Por isso quero partilhar com todos algumas dessas recordações. Envio em anexo algumas fotografias (...)

*****

A Lourdes Teixeira (manas Teixeirinhas- Camunda) faz-nos uma surpresa ao enviar os seus testemunhos sobre o Cubal/Cubalenses e que irei publicar brevemente no nosso blog.
Muito obrigado pela tua participação cara amiga e bem vinda à nossa comunidade.
Saudações
Ruca

Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - Meno Múrias

De repente o meu telefone toca. Do outro lado uma voz doce e amiga que eu já conheço. Mas não era a Isilda que queria falar comigo...
Passou-me o telefone a alguém que queria falar muito comigo..... UM AMIGO! Não consegui adivinhar quem estava do outro lado...apesar de sermos vizinhos no Cubal, desde 1975 que não ouvia a sua voz...
Ele identificou-se MENO MÚRIAS!
Que alegria voltar a falar com um amigo e vizinho após tantos anos.... Obrigado Meno, espero que tenhas um óptimo regresso a Luanda e quando vieres com mais tempo telefona para te dar um abraço.
Entretanto, fico à espera dos testemunhos escritos que irás fazer relativos à nossa passagem pela Terra Amada!
O blog vai-nos proporcionando estas surpresas. Desta vez foi a mim. Amanhã será a outro amigo / amiga Cubalense.
Ruca

Informação

O blogue tem muito mais informação!
No final desta página clica onde diz :
" Mensagens antigas".
Faz sempre isto quando pretenderes vêr as páginas anteriores das nossas memórias.

O Rei da Galga *



O pai do Zeca tinha estado em Angola. Voltou em 75, mas nunca se conformou. Fechou-se numa quinta e fingia que vivia em África: andava de botas e chapéu de safari.
Nós éramos amigos do Zeca e não o largávamos com perguntas sobre o pai. Ele convidou-nos para jantar.
Foi inesquecível. O pai do Zeca contou, à mesa, tais histórias que passou a ser o nosso ídolo. É claro que era tudo peta, e nós, depois de sairmos da quinta do Zeca, passámos o resto da noite a recapitular cada pormenor e a rebolarmo-nos a rir. Baptizámos o homem como o Rei da Galga e fizemos o Zeca prometer que nos convidaria mais vezes para jantar.
Ele acedeu. Mesmo percebendo o nosso gozo, ficava orgulhoso do pai, porque tinha a noção de que as galgas eram realmente fenomenais. O Rei da Galga adorava contar as suas galgas, porque isso o fazia sentir-se em África. E nós rejubilávamos, porque as galgas do Rei nos forneciam matéria de risota para a semana inteira.
Havia um homem, grande amigo do Rei da Galga, que vivia isolado no meio da selva (isto é uma história do Rei da Galga). Mas era conhecido pelos jantares sumptuosos que oferecia. Convidava dezenas de pessoas e apresentava uma mesa cheia de iguarias, desde carnes de caça até gelados italianos e vinhos franceses, que ninguém sabia como chegavam ali. E além disso - e aqui o Rei da Galga punha o ar de quem está a contar apenas mais um pormenor - além disso tinha um gorila a servir à mesa. Fardado.
Um gorila? Nós estávamos siderados. Sim, um gorila a deitar o vinho nos copos de cristal.
Queríamos mais. Rei da Galga, conta-nos mais.
Outro amigo, que também costumava proporcionar uns serões magníficos, era um caçador extraordinário. A sua casa estava repleta de cabeças de antílopes nas paredes, dentes de elefante, peles de leopardo, um rinoceronte embalsamado.
E o Rei da Galga contava; "A certa altura, eu sentava-me num puff muito confortável. Estávamos a conversar e dá-me a impressão de que o puff começa a mexer. Dou um salto. Olho para baixo e vejo que o puff era uma jibóia, viva, toda enroscada."
O Rei da Galga não sonhava que nós nos ríamos dele. E ia contando histórias cada vez mais inverosímeis, com um ar cada vez mais displicente. A ideia era mostrar que África era uma terra tão prodigiosa que estes episódios eram irrelevantes para quem vivia lá. Ele já nem ligava. Em África, uma pessoa fica noutra dimensão.
Contou que tinha um pastor alemão, enorme e feroz, que lhe guardava a propriedade. Era um portento de um cão, capaz de enfrentar qualquer animal selvagem. Certa noite, um leão entrou em casa. Estava esfomeado, e vasculhou tudo, à procura de carne. Fiel ao seu dono, o cão esperou o atacante debaixo da cama onde o próprio Rei da Galga dormia. Quando finalmente o leão o encontrou, travou-se um combate brutal e sangrento entre os dois animais, que durou horas e no fim do qual o leão comeu o cão. Pois tudo isto se passou debaixo da cama e o Rei da Galga nem acordou!

* in Público P2 22082008  - Paulo Moura - Jornalista

Quem segura este motard ?

1. Quem segura este devorador de estradas ?
Uma saudação à família Fontoura. Ruca

Ainda o encontro de amigos Cubalenses em Salvador - Bahia Agosto 2008

1.Chico Valadas, Hernâni Cabral e José Luís Pena2.Com o Bibito Guerra
3.Chico e Hernâni com a Baía de Todos os Santos ao fundo.
4. No Elevador Lacerda
5.Maria Pena com o Hernâni e Faro Cabral

Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - José Luis Pena

Caro Ruca
Conforme te havia prometido aqui te envio umas fotos do Cubal antes de 1975, do Cubal de agora, tiradas por mim pois estive lá em Março deste ano e também da Fazenda Fernando Alberto pois também lá estive e também te mando umas que tirei agora aproveitando a vinda do casal Hernâni Cabral aqui à Bahia e do Chico Valadas aonde consegui na foto 3678 reunir 10 verdadeiros Cubalenses vivendo em lugares diferentes.
Em baixo vão os nomes das pessoas que constam destas fotos.
Das antigas escolhe as que quiseres e achares mais interessantes para colocares no teu blog que está simplesmente maravilhoso. Vai em frente.
Um abraço para ti e para os teus pais.
José Luís Pena


***

Caro José Luís Pena,

Que bela surpresa tive ao regressar de um período de férias!
Através do amigo Hernâni Cabral, fizeste-me chegar um CD com belos testemunhos do Cubal "antes" e de "agora".
Irei partilhar os mesmos , através do nosso blog, pela nossa comunidade de amigos espalhados pelos "quatro cantos do mundo"
Todos ficamos gratos pela variedade de imagens, que irei tratá-las para serem publicadas.
Recebe um saudação especial de todos nós, extensivo à tua querida família,
Ruca