Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - Alzira Resende de Souza

Amigos e colegas cubalenses.
Ao ler a mensagem anterior, do João, fiquei emocionada e não me contive para dar o meu depoimento. Bem, saí do Cubal quase há 34 anos. Casei aqui e tenho filhos brasileiros, ele casado e ela prestes a casar. Desde a infância me perguntam como eu vivia, o que fazia, como eram nossas brincadeiras, como era o ensino, os professores, etc. Quando passam reportagens de Angola na Tv, logo me chamam para assistirmos juntos. Quando estudavam geografia sempre comentavam na sala de onde eu era, e quando sou apresentada a algum de seus colegas, eles já têm a informação da minha origem. É interessante o orgulho deles por isso...Mas há cerca de uns 8 meses aconteceu uma coisa que os deixou mais fascinados ainda. Minha irmã precisou levar minha mãe ao endocrinologista, que estava marcado. Ao ser atendida, Ana Maria percebeu que a médica tinha sotaque diferente. Então perguntou de onde ela era. De Angola, respondeu. De qual cidade? Cubal!!! Eu também, disse Ana Maria. Qual seu nome? MANUELA SANDE....Bem foi aquele abraço e lágrimas!!!Essa menina sempre foi inteligentíssima, a melhor aluna da sala, e eu me perguntava por onde andaria Manuela Sande, se algum dia a veria como ministra de seu país nos jornais ou revistas angolanas...Claro que já estivemos juntas, conversamos muito, rimos muito também, por que não? Manuela já deve ter retornado para Angola onde deve aplicar todos os ensinamentos médicos em prol do seu povo.E, claro, meus filhos acharam o máximo esse reencontro depois de três décadas e as coincidências da vida...
Um abraço a todos
Alzira

3 comentários:

bp disse...

Vim parar neste post e blog (que já conhecia por uma colega de trabalho)procurando a minha querida amiga Manuela Sande. Agradeço a quem tenha o seu contacto que mo envie.
Saúde a toda a gente.

Anónimo disse...

Amigo Ruca,podes facultar meu endereço,para que a Alzira entre contacto comigo.Nao tenho contacto da Manuela Sande,mas poderei agilizar este encontro atraves de outra pessoa.Os Cubalense,sempre se encontram.
Abraço

Prata

Anónimo disse...

Alzira,envia um e mail para

nocas-p@hotmail.com