Um encontro de amigos cubalenses


1

Júlia Flórido Gonçalves, Olga Martins Viana e Raúl Gonçalves


Hoje tive uma tarde diferente.
Juntamente com os meus pais Júlia e Raúl, tivemos o privilégio de nos encontrar com a Olga Martins Viana.
A Olga disponibilizou-me um fantástico património de testemunhos cubalenses do seu/nosso saudoso José Martins Viana (da Gardénia).
Irei, no futuro breve, compilar toda a informação, digitalizando a mesma, para aqui partilhar com a nossa comunidade amiga cubalense.
Poderei adiantar, que teremos brevemente aqui no nosso blogue, testemunhos do Cubal, dos anos 50-60, tais como: fotos, convites de casamento, cartões de Boas Festas, cartões de apresentação de particulares e empresas, convites para as Festas do Ferrovia e do Recreativo do Cubal, etc. etc.
A Olga contribui, deste modo, para o enriquecimento do nosso blogue, tornando-o cada vez mais numa referência na Internet sendo visível e consultado em todo o mundo. Quero desde já aqui agradecer o carinho da Olga, ao disponibilizar estes fantásticos testemunhos e ainda a confiança que em mim depositou ao dar-me a guarda dos documentos até os conseguir digitalizar.
Este é um belo exemplo que gostaria de ver seguido por mais cubalenses.
Obrigado Olga!
Um abraço
Ruca

Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - Joaquim Francisco Ferreira (Neto)

Estimado Ruca
Faltam palavras para mostrar a minha alegria. Por mera curiosidade, encontrei o seu site. Para meu espanto seu site fala do meu bisavô-Joaquim Francisco Ferreira.

Nem eu sabia que ele era conhecido como yola-yola. Tinha conhecimento que meu avo sim era conhecido como Catoto.
Eu vivi em Angola ate 1993 e neste momento vivo na Inglaterra .
Meu nome e Joaquim Francisco Ferreira Neto.
Queira aceitar meus parabéns
Abraco
Joaquim Francisco Ferreira Neto

Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - Escultor Jorge Melício

Parabéns
Ola , sou de angola, lobito mas vivi no cubal os meus últimos anos em África, o meu pai era dos c.f.b., tenho saudades dessa terra que nunca mais voltei.
um abraço
melício
**********
O Jorge Melício, veio também até nós. É um privilégio ter por aqui este amigo escultor que também passou pelo Cubal. Vejam mais aqui:
http://www.escultormelicio.com/html/homept.html
http://www.escultormelicio.com/html/multimedia.html










Encontro cubalense no You Tube

Fotos do Encontro Cubalense no Luso - 04 Julho de 2010

1
2
3
4
5
6
7
8
9
10

Comentário da amiga Lourdes Morais

Ruca
Saúde para todos. Hoje fiquei muito feliz quando fui ao nosso blog. Tive notícias da minha querida amiga Sação. Foi uma alegria que nem queiras saber. Quero pedir através desta mensagem, que a Sação me escreva, pois o meu email vem publicado no Livro de Visitas do Cubal. Se por ventura tu tiveres o email dela, Ruca, por favor manda-mo. Quero saber dela . Também gostei muito de ler o que a Isabella Valadas escreveu. Também adorei ler do Necas Abreu para já não falar do o que a nossa querida Nanda Valadas mandou. Esta Nanda Valadas tem o condão de sempre me fazer chorar. Ontem ao ler comecei logo a chorar e chorei bastante. Ainda às 20 horas, quando ia da loja ( em Valença), para a minha casa perto de Monção, as lágrimas me corriam. Também é verdade que não é preciso muito para as minhas lágrimas me saltarem dos olhos.Mas nem sempre as lágrimas são de tristeza. As lágrimas também são de alegria e de saudade. Alegria por sabermos dos nossos amigos e de saudade pelos bons tempos que passamos juntos naquela terra maravilhosa. Mas a Nanda Valadas desta vez com aqueles passeios que dá pelo Cubal fez-me voltar aquela terra maravilhosa. Também quero dizer que gostei muito do que a Elga Valadas escreveu. Obrigada a todos por tudo isto. Eu apelo aqui a todos os Cubalenses que não deixem de dar noticias. Escrevam, digam o que lhes vai na alma. Creio que todos os Cubalenses gostam de notícias dos amigos. Este blog, é o nosso porto de abrigo, o ombro onde podemos poisar a nossa cabeça, para descontrarir das contrariedades da vida. Eu nem quero pensar que o nosso blog pode desaparecer. Mas para isso todos temos que colaborar. Por favor escrevam . Ruca já escrevi muito. Peço que publiques . A Sação que não deixe de escrever. Um beijo para todos os Cubalenses.
Beijos para a Xana e para teus pais. Um abraço do Morais. Um beijo muito grande da amiga

Lourdes

Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - Conceição Miranda (Sação)

Maria Da Conceição Miranda comentou:

O meu nome no facebook não diz nada aos meus " velhos " amigos ; sou a Sação e gostava de ter notícias de muitos de vós. Enviei uma mensagem ao Necas e espero estar convosco no próximo encontro.
Um beijo
Maria Da Conceição Miranda (Sação)

Tributo a amigos que recentemente nos deixaram. Por Elga Valadas.

Cubalenses,
Infelizmente as últimas mensagens têm sido deprimidas, um Toneco Lousa um Alexandre Fonseca um Carlos Falcão que nos deixam sem que possamos fazer algo para os travar. Deixaram tristeza?, Não, pelo contrário, todo o Cubalense que os conheceu só pode ter um sorriso nos lábios pois cada momento passado perto deles foi um momento de alegria e cada recordação tem a haver com algo de Positivo.
Eu própria que convivi directamente com os três, necessitei de todo este tempo para reagir, mas penso que estaria no desejo deles ver que este Blog continue a viver através das suas recordações.

Tu Toneco:
Grande amigo de família, sempre pronto para farras, a última imagem tua foi-me transferida por um vídeo feito pela minha filha numa ida ao Brasil e onde me diz que conheceu um velhote amigo da mãe que dançou e manteve sempre a alegria na festa,(mas que energia a dançar).

Tu Alexandre:
Que nunca poderei esquecer os passeios proibidos nos teus carrões, que sempre apoiastes com a tua mentalidade de avanguardia situações que na época seriam
censuradas, sempre disponível e um senso de humor único, cúmplice se necessário em amores juvenis.


Tu Carlos:
Meu professor, de um carisma único,sempre gentil,mas muito atento que os alunos não te passassem a perna.Tão atento que as minhas cábulas escritas nas pernas a ti não te passaram despercebidas, mas mesmos assim, só me disseste, que seria melhor não utilizar as cábulas, pois como ele sabia eu estava bem preparada.E assim foi, as cabulas não foram necessárias, porque só um professor que compreende e conhece os seus alunos reage assim.

Eu sei que é um pouco tarde , mas eu necessito de um tempo para aceitar a realidade à qual não podemos fugir.
No meu coração vocês estarão sempre .
Um abraço às vossas famílias.
Elga

Ponto de Encontro

Gostaria de saber se alguem conheceu o meu pai, chama-se Ernesto conhecido como ''Merengue'' trabalhou na Casa Chico Borges no Caimbambo 1963 e na Casa Vivem no Cubal no armazem dos caminhos de ferro em 1964.
Se alguem tiver qualquer informação por favor contacte-me no mail
jaimeazulay@hotmail.com
Obrigado

******


Minha mae Maria Filomena Teixeira gostaria de saber se o Sr. Ruca consegue obter informações sobre seu pai, chama-se Ernesto conhecido como ''Merengue'' trabalhou na Casa Chico Borges no Caimbambo 1963 e na Casa Vivem no Cubal no armazem dos caminhos de ferro em 1964.
Se tiver qualquer informação por favor contacte-me neste mail.

Obrigado

Jaime Azulay

Notícias dos Cubalenses e amigos do Cubal - Necas Abreu

Necas (Parte I)
.
Daqui de Benguela, cumprimento com fraternos abraços todos os Cubalenses, enviando tb do Cubal, onde estive no fim de semana, um cheirinho ao nosso rio! Venho deixar uma msg muito sentida pelo apoio e grande fraternidade que tantos me dedicaram pelo falecimento de meu pai a 14 de Abril pretérito. Não posso deixar de abraçar a todos que estiveram tão perto de mim, mt especialmente ao nosso querido irmão Henrique Faria e todo o corpo clínico e auxiliar que sempre o acompanhou ao longo de tantos anos a olhar e a manter 0 "velhote" entre nós! O meu mais sentido abraço e o meu profundo obrigado Querido irmão Henrique!.. Tb, ao Zé Queiróz, Leonel Carriço, António Mario Garruço, Borges que directa ou indirectamente prestaram o apoio à sua saúde ao longo dos anos.
Quero deixar a todos quantos com ele conviveram o meu mais sentido abraço. Ao sr. Cravo e D. Carolina terem estado tão perto, como ao Maia, Hernani Cabral, Amilcar Vinhais, à Anizabel Cabral, primo Laranjeira e filhos Juca e Zé como tantas outras que se me torna impossivel citar e agradecer apelando às desculpas profundas! Em Benguela tb deixo ao Toninho Valadas, Castelo Branco, Joaquim Lima, Lousa (Garoupas), Tito, Borges do Consulado, Carlitos Baptista, Antero, Augusto Mota e a todos que nao posso agradecer pessoalmente e que o visitavam com profundo carinho! Agradeço ao Ruca pelo trabalho notável e com tanta dedicação se predispõe a permitir poder enviar esta msg! Também a ti Henrique pelo teu blog e trabalho de informação, que contribuiste para uma maior união desta FAMILIA CUBALENSE. Bem hajam todos com um solidário abraço Cubalense!
Obrigado
vosso Necas.
Necas (Parte II)
.
Ruca acabei de enviar uma msg para todos Cubalenses tendo tb agradecido este espaço que tanto nos une. De facto por desconhecimento não avaliava da Força que ele desempenha em todos nós! um abraço de agradecimento pq sem ele não chegava a todos os Cubalenses! Tb não fiz uma identificação precisa qt ao meu pai - Francisco Simões de Abreu do Hotel Universo no Cubal - Mais um obrigado Necas Abreu
Que me seja permitido ainda deixar a toda a Família Falcão, a minha dor, pela tremenda noticia que recebi! O Carlos Falcão é um dos Cubalenses Especiais. Todos são! Mas o Carlos para uma geração é muito Especial! O meu sentido pesar por esta perda a todos nós enlutados.
Permite-me tb deixar à minha Querida Fernanda Valadas um abração tão grd e beijos sem fim para ti minha mana! Tenho estado com o Toninho bastissimas vezes! Vou deixar te uma notícia Querida manita Nanda! Qd leres UM MOMENTO NO TEMPO, verás muito da nossa infancia, adolescência, a Baixa do Sópe e o rio Catumbela engalanado por uma serração com uma ida ao rio onde aqueles pachorrentos jacarés de bocarra aberta nos pregaram um susto! beijos Nanda, - da Hanha, do ringue, do lago onde ja esteve um jacaré até à bem pouco tempo, do rio Cubal, do rio Jamba, do guarda do Parque, do Clube da Vila e do Ferrovia, das ruas das poucas acácias que restam e das enormes palmeiras que cresceram como não imaginas!... Que saudades tão grandes de tudo! A barragem do John é um descampado! Ficaram as memórias dos pic-nics que a malta lá fez. Lembraste qd o Cubal se despovoava para aqueles encontros? Ficou assim tanta gente com a memória preenchida de felicidade!
Mais e muitos abraços e beijos do teu manito
Necas Abreu

Necas (Parte III)

.

Ruca obrigado pelas palavras!... O raio da memória é uma sacana traidora. Arrasta-me sempre pelo coração e pela alma para a malta naquele Cubal. Mas, o que me chateia é este malvado nó na garganta que me chega às entranhas e me põe sempre com estas "gajas" destas lágrimas a escorrerem-me pela cara abaixo! Que chatice! Já cá estou e e isto não mudou! Nem passa!!
N'um poema já digo "foi o feitiço foi... e acabaram-se os sorrisos dos meninos e meninas" ! Pois foi feitiço foi que nos enfeitiça! O nosso Cubal está mudo e o que mais me dana é que secou-se dos aromas, permanece estático como estátua de pedra que se deixa levar pela erosão do Tempo!...
Chego a pensar que estou surdo, pq já não oiço uma única cigarra que seja! A miopia que me acompanha desde sei lá qd, não me deixa enxergar as frondosas acácias fartas de flores e cheirinhos a mel! Ai não, não foi o feitiço!?... Foi sim senhor, foi ele sim,que me empanturrou desta mágoa, deste embargo que não se solta!
- Sabem uma coisa?
É feitiço é!
Necas Abreu
Quero deixar ao meu amigo Serra um abraço grd que se deu a aventuras de partir numa traineira saído da ilha de Luanda para chegar a Portugal desconsolado e saudoso!
Bom amigo ele. E esta do perintrep nao esta mal esgalhada não senhor! Um abraço a todos qts nos acompanharam naquele 2º Andar por uns anitos!

Abraço do Abreu

Ponto de Encontro - Procura-se amigos

Ruca

Gostaria de saber se alguém sabe do paradeiro do Albernaz. Deverá ter agora 50 anos e frequentou a Escola Primária nº 40 do Cubal. O pai dele era da policia e eles moravam nas traseiras da Esquadra. É tudo quanto sei, claro que me lembro de ir brincar para casa dele, que me lembro da peripécias da escola mas…espero ter oportunidade de recordar quando o encontrar.

Um abraço
OBRIGADO
Tomané -António Olveira-(endereço de email clicar no nome)

Notícia triste

Caro Ruca, é mais uma vez com imensa tristeza que me sinto obrigado a anunciar o desaparecimento de mais dois amigos, embora de gerações diferentes:
1)o Sr.António, Soba ou regedor da Camunda, cuja foto se encontra no blog junto com o Luis Pena.
2)Também o Camoço, meu amigo de infância e irmão do Costa, Vosso ex-mecânico, na Reparadora Transmontana.
Transmite por favor as minhas sinceras condolências à família através do Blog.
Muito obrigado
Meno Fontoura